Investimentos

4 dicas de investimentos para profissionais liberais

É um fato que muitos profissionais liberais acabam transformando as contas pessoais em contas da empresa e vice-versa.

 

Quando isso acontece já está tudo junto e misturado, tanto os custos como os ganhos, dificultando a sua forma de trabalho.

 

Por isso um planejamento muito bem executado, organização e disciplina são essenciais para que sua empresa não venha ter problemas tanto na pessoa física como na jurídica.

4 dicas de investimentos para profissionais liberais

 

Então vamos trazer 4 dicas de investimentos para profissionais liberais poderem se organizar e assim investirem para crescer os ganhos e terem tranquilidade.

 

Confira!

Dica 1 – Planejamento e organização

 

Todos precisam planejar seus custos e ganhos, mas um profissional liberal precisa ter isso duplamente. 

 

Essa é a primeira dica, separe as contas da PJ e PF e planilhe tudo que pode, desde os mínimos gastos até os maiores.

 

Assim como os ganhos, tudo tem que ser colocado no papel, planilha ou aplicativo, para saber exatamente quais são seus maiores gastos.

Dica 2 – Entenda seu negócio

 

Com tudo planejado e tendo seus custos e ganhos planilhados faça, após alguns meses, a seguinte análise, de onde vem seus maiores ganhos e quais são seus maiores custos com datas.

 

Para que assim consiga analisar a fundo sua produtividade e lucratividade com base nas reais possibilidades da área em que atua.

 

Definindo seu próprio negócio, você consegue entender melhor como funciona e de onde vem seus ganhos e custos.

 

Além disso, vai saber em quais datas você tem que ter maiores valores para execução das dívidas e qual é seu real lucro.

Dica 3 – Invista

 

Com a flexibilização das leis trabalhistas, um grande número de pessoas viram vantagem em se tornar profissional liberal, com isso vieram alguns benefícios que estavam embutidos no CLT e que não possuem nessa categoria.

 

Nesse momento o alerta deve ser ligado onde você tem que ter uma reserva de emergência financeira para custear possíveis custos que possa vir a ter no futuro.

 

E com isso o ideal é você investir uma porcentagem do seu lucro todo mês para assim ter um montante suficiente para que não tenha que recorrer ao crédito bancário, caso ocorra algum imprevisto.

 

Uma reserva de emergência para um autônomo ou profissional liberal deve ser 12x o seu custo fixo, ou da sua empresa. Para assim você ter uma margem confortável para realizar manobras e custear suas emergências.

Dica 4 – Cuide-se

 

Para todos profissionais liberais, se você não trabalha você não ganha, pois você é sua empresa. Por isso você precisa entender que estar bem é essencial para o bem da sua empresa.

 

Por isso planeje suas férias com antecedência, entenda que uma pausa também é essencial para o seu sucesso financeiro.

 

Planeje seus objetivos, estabeleça metas, e invista pensando em cada um deles, pois assim você terá mais força para ganhar e alcançá-los o quanto antes.

 

Pense em você e entenda a sua necessidade enquanto empresa e pessoa para equilibrar suas metas pessoais e profissionais.

 

Se curtiu, compartilhe nas suas redes sociais para dar essas dicas de investimentos para profissionais liberais.

 

Aproveite também para assinar a newsletter da Set Investimentos e ficar por dentro de todas as novidades.

Set investimestimentos invista em fundos