InvestimentosRenda variável

Escolas de análise de ações: análise fundamentalista e gráfica

escolas de análise de ações

Para iniciar algumas estratégias no mercado de ações, você precisa entender os conceitos das escolas de análise de ações: análise fundamentalista e gráfica.

Lembre-se sempre que investimento significa planejamento, antes de qualquer decisão ou atitude.

Aprofunde seus conhecimentos nessas análises, antes de partir para os conceitos avançados.

Escolas de análise de ações

Vamos lá!

Entenda a análise gráfica

A análise gráfica, também conhecida como análise técnica de ações, é a ferramenta mais poderosa e eficaz para se ganhar dinheiro com oportunidades de Day Trade e curto prazo.

Ela é ideal para apontar qual o cenário mais provável de acontecer com o preço das ações. Isso porque ela se baseia no coração e na alma de qualquer mercado, seja o de laranjas, o de carros usados ou o de ações, é a lei da oferta e procura.

Se uma ação vale R$ 10,00, é porque um comprador encontrou um vendedor nesse preço. Ou seja, o preço de uma ação é simplesmente reflexo da interação entre os compradores e vendedores.

Se em determinado dia houver muito mais compradores do que vendedores, a demanda por aquela ação aumenta, a oferta diminui e a tendência é que os preços subam.

Por outro lado, se o número de pessoas querendo vender aquela ação aumenta e o número de pessoas querendo comprá-la diminui, os preços tendem a cair.

Aliado a isso, a análise técnica de ações sabe que o mercado de ações é formado por seres humanos e que esses têm por natureza se comportar de acordo com as tendências.

Assim, a análise gráfica tenta identificar padrões e tendências no comportamento dos compradores e vendedores para entender qual o cenário mais provável para o futuro próximo. Ela utiliza estudos baseados em probabilidade estatística.

Portanto, a análise gráfica busca estudar a interação entre a força dos compradores e vendedores para identificar qual o lado mais forte e assim facilitar na tomada de decisões.

Com isso, conseguimos ter agilidade para nos posicionarmos ao lado do cenário de maior probabilidade e ter poder de reação para lidar com mudanças de cenário.

Entenda a análise fundamentalista

Ao falar sobre ações, a análise fundamentalista é uma técnica que tenta determinar o valor de um título, concentrando-se em fatores que afetam o negócio de uma empresa e suas perspectivas futuras.

Em um âmbito mais amplo, é possível realizar essa análise em indústrias ou na economia como um todo.

O termo refere-se, simplesmente, à análise da saúde econômica de uma instituição financeira ao invés de apenas os movimentos dos preços das ações.

Para entender o que é análise fundamentalista, podemos simplificar que ela serve para responder a perguntas como:

• A receita da empresa está crescendo?
• A empresa está sendo lucrativa?
• A empresa está em uma posição de mercado forte o suficiente para vencer os seus concorrentes no futuro?
• Ela é capaz de pagar suas dívidas?

Naturalmente, essas são algumas das muitas questões envolvidas e existem centenas de outras que você poderá ter sobre uma empresa.

Tudo realmente se resume a uma pergunta: as ações da empresa são um bom investimento?

Pense na análise fundamentalista como uma caixa de ferramentas para ajudá-lo a responder a essa pergunta.

Dica final

A análise fundamentalista é o termo usado com mais frequência no contexto das ações, mas você pode realizá-la para qualquer título, desde títulos de renda fixa até com um derivativo.

Enquanto você estiver olhando para os fundamentos econômicos, você está fazendo uma análise fundamentalista. Para este artigo, essa análise será sempre relacionada com ações.

Conseguiu entender sobre as escolas de análise de ações? Deixe seus comentários abaixo e se curtiu compartilhe nas suas redes sociais. Aproveite também para assinar nossa newsletter e ficar por dentro de todas as novidades do blog.

Set investimestimentos invista em fundos