InvestimentosRenda variável

Como investir em renda variável?

como investir em renda variável

Neste artigo viemos trazer alguns pontos importantes para você que quer investir em renda variável para ter retornos significativos.

Apesar de todo o risco, o investimento em renda variável vem se consolidando no mercado como uma forma de ganho seguro.

Isso porque, com o número crescente de operações e o aperfeiçoamento da segurança da informação, é possível investir em ações através de uma corretora de forma muito mais fácil.

De forma simples, renda variável é um investimento onde a rentabilidade é obtida através de uma operação que não é previsível.

Como trabalha de forma dinâmica, o ganho pode ser igual, muito superior ao valor investido, ou com perda da base de valor investida.

Mas o que torna esse mercado tão atrativo?

É a chance de altos ganhos, e como bem sabemos, quanto maior o retorno prometido numa escala de tempo, maior é o risco dessa operação.

Como investir em renda variável?

As maneiras de investir em renda variável vão além das ações de empresas e abaixo você confere as principais:

  • Ações;
  • ETFs;
  • Mercado Futuro;
  • Câmbio;
  • Commodities;
  • Clubes de Investimento;
  • Derivativos.

Além deles, tem os fundos de ações e os fundos imobiliários que são veículos de investimento em rendas variáveis.

Todas as formas, com suas especificidades, devem ser adquiridas através de corretoras de valores e comercializadas por um home broker.

Nele você efetua compra e venda de forma dinâmica no mercado secundário (mercado onde se comercializa operações diariamente) e mercado primário (primeira emissão de determinado ativo).

As operações são listadas na bolsa de valores brasileira – B3, que faz toda parte operacional de saída, entrada e intermédio das operações entre os investidores.

Para iniciar seu investimento nesse mercado, além de ter conta em uma corretora, você tem que estar ciente dos custos que essas operações possuem.

Isso porque, algumas corretoras não cobram pelas ordens de compra e venda de ações na bolsa, enquanto que outras cobram por ordem ou volume financeiro.

As ações, que são os ativos que representam esse mercado, possuem valores para investimento desde R$20,00 até R$200,00 por ação em média.

E exatamente com a tecnologia que hoje é possível você se tornar sócio de uma empresa a partir de valores pequenos, pois conta com a facilidade de troca de ativos (compra/venda) que é feito através de um aplicativo ou computador.

O mercado fracionário se tornou realidade e é possível comprar uma única ação de determinada empresa, e não um lote, como antes era feito, mas é importante observar os custos das transações para ver se vale a pena comprar uma ou um lote.

O mercado brasileiro de renda variável ainda é novo e tem muita margem para crescimento, tanto em empresas listadas como em quantidade de investidores.

Muitas das empresas que possuem capital aberto para investimento, além de já possuírem muita confiança de mercado, também possuem alta liquidez sendo a sua compra e venda muito rápida.

Dentre as opções para iniciar nesse mercado, o ideal é você procurar saber da empresa que está interessado.

Procurar informações como seu balanço patrimonial, sua relação com o mercado financeiro, e analisar qual a estratégia ideal para si, se é algo de ganho a curto prazo, dividendos ou longo prazo.

Dica da Set

Nesse campo para aqueles que não tem tempo, ou não tem tanta disponibilidade para ficar pesquisando e estudando sobre as empresas, a melhor alternativa são os fundos de ações.

Eles possuem um gestor voltado para a estratégia da carteira, e você consegue investir numa gama de empresas que são listadas na bolsa, pulverizando seu risco, que ficaria concentrado numa única empresa.

Essa forma de investimento, ao contrário das ações, possui investimento inicial de em média de R$5.000,00 e uma liquidez menor. Isso para que a estratégia do gestor seja feita de forma mais eficiente.

Entenda seu perfil, procure seu assessor e invista com segurança, sempre focando nos seus objetivos.

Aproveite para conhecer os fundos de ações da Set Investimentos que tem aplicações iniciais de 5 mil e 100 mil reais e são fundos Long Only.

Se curtiu, compartilhe nas suas redes sociais e ajude outros investidores que querem saber como investir em renda variável.

E continue por dentro de todas as novidades do blog assinando a nossa newsletter para receber em primeira mão nossos conteúdos.

Set investimestimentos invista em fundos